PontoZurca

LATEST NEWS

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2022

O programa HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA, agora na sua 8ª edição, é desenvolvido desde 2015 pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica.  

Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma selecção musical ecléctica nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.  

Classificação etária: Para todos os públicos
Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em Almada

Rua da Cerca, 2800-050 Almada ENTRADA GRATUITA  


MARIA DO MAR | violino
>> Domingo 30 Outubro | 16h00
 

Maria do Mar é violinista, compositora, professora e ativista, natural de Lisboa, com um trajeto iniciado na música clássica e ensino, e recentemente em projetos de música experimental e improvisada. Tocou em várias orquestras, foi dirigida por vários maestros, dentro e fora do país, e lecionou em vários conservatórios e escolas nacionais, onde procurou formas alternativas de ensino. De uma atividade eclética, destacam-se participações em bandas sonoras de filmes, peças de teatro e performances. Este ano estreou na abertura do Festival Giacometti a primeira peça do Ciclo Grão – ContrAtempo, na aldeia de Peroguarda, onde cruza linguagens: violino/violeta solo, recolhas, field recordings, participação da comunidade, instalação e vídeo. Faz programação/curadoria e produção de eventos. Desde 2021 faz curadoria, com Felice Furioso, do Ciclo DeScomposição Transitória na SMUP.

Desenvolveu trabalho de improvisação com “Butch” Morris, Miguel Mira, Carlos “Zíngaro”, Sei Miguel, Helena Espvall, Ricardo Freitas, Yaw Tembe, Paulo Chagas, Ernesto Rodrigues, Joelle Léandre, Juan Calvi, Adriano Orrú, Luíz Rocha, Angelica Salvi, Lula Pena, entre outros, apresentando-se em concertos, ciclos e festivais nacionais e internacionais. No final de 2019 foi nomeada pela revista Jazz.pt para Melhor Músico ou Grupo Nacional. É membro de vários grupos como LANTANA, Fungaguinhos, Duo Suprasónico, Mayhuma, ou pEntE AtómIco. Tem vários discos editados, sendo o mais recente o primeiro álbum de LANTANA – sexteto de mulheres improvisadoras – lançado a 9 de outubro.

Busca no seu trabalho um universo amplo e o desenvolvimento de uma linguagem pessoal, com fronteiras estéticas esbatidas, onde se abrem possibilidades transversais e sem limites criativos.

fotografia Vitorino Coragem
ORQUESTRA GERAÇÃO
>>Sábado 26 Novembro | 18h00
 

A Orquestra Geração é um projeto de integração social através da música que tem como principal objetivo descer os níveis de abandono escolar e fornecer ferramentas sociais e humanas às crianças nas zonas onde opera. Tem especial incidência no trabalho de grupo e é sua missão ligar a escola às comunidades. 

O projeto chegou à escola Miradouro de Alfazina no ano letivo 2016/2017, sendo já visível a sua positiva intervenção na comunidade escolar. Já se apresentou em diversos concertos no bairro e fora dele, e estabelece cada vez mais uma relação de confiança com estes alunos e as suas comunidades.

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2022

O programa HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA, agora na sua 8ª edição, é desenvolvido desde 2015 pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica.
 
Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma selecção musical ecléctica nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.
 
Classificação etária: Para todos os públicos
Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em Almada
Rua da Cerca, 2800-050 Almada
ENTRADA GRATUITA

ANGÉLICA SALVI
>> Sábado 24 Setembro | 21h30
 
A harpista espanhola ANGÉLICA SALVI, radicada no Porto desde 2011, dedica-se à improvisação e à música contemporânea e eletroacústica, explorando várias técnicas de preparação e amplificação do instrumento na busca de novos timbres e sonoridades.
 
A artista convida o público a mergulhar nos seus referenciais emocionais e espirituais, servindo-se deles como o guião de um sonho. Partindo da acrobacia do respirar (inalar, exalar) e da dinâmica das marés, Salvi explora o universo da repetição numa invocação cósmica e estruturada do transe num movimento magnético e sincopado.
 
Nesta viagem interior, onírica e intimista, o público é guiado por caminhos sinuosos e tropicais, numa experiência potencialmente xamânica, por sonoridades ambíguas e multifacetadas, desde Papé Nziengui a Alice Coltrane.
 

……..


P.L.I.N.T. Pablo Lapidusas International Trio
>> Domingo 25 Setembro | 18h30
 
Pablo Lapidusas é pianista, compositor, produtor e professor (Argentina/Brasil), bacharel em música pela Unicamp e com mestrado em Performance Jazzística na Escola Superior de Música de Lisboa, e tem já 6 álbuns lançados.
 
Colaborou com inúmeros artistas (Hermeto Pascoal, I Musici di Montreal, Marcelo D2, Cesar Camargo Mariano, Edu Lobo, Jaques Morelembaum, Hamilton de Holanda, Marcus Wyatt, Carlos Malta, Eugene Friesen, Ehud Ettun, Zezé Motta, Wanda Sá, Quarteto em Cy, Gabriel Grossi, Victor Biglione, Maria João, entre muitos outros), em gravações, em especiais para a TV/Rádio e em tours em mais de 30 países.
 
Em 2021, Pablo recebeu o “Prémio Profissionais da Música” na categoria “trilha sonora”, pela música da série “Herdeiros de Saramago” da RTP.
 
P.L.I.N.T. Pablo Lapidusas International Trio é um projecto em trio do pianista Pablo Lapidusas, em colaboração com o baixista cubano Leo Espinosa e o baterista brasileiro Marcelo Araújo.
 
Este trio, formado em 2014, lançou 2 álbuns: “Live in Johannesburg” (2015/Ekaya) e “Bora” (2018/Ekaya) – este último com a participação do lendário rapper brasileiro Marcelo D2. Desde a sua formação, deram mais de 100 concertos memoráveis em clubes e festivais reconhecidos internacionalmente.
 
Em 2016 o trio foi escolhido como uma das 16 actuações europeias para o JAZZAHEAD! (Alemanha), tendo recebido uma excelente crítica. Em 2019 apresentaram um novo projecto com Orquestra Sinfónica, onde tocaram temas dos dois primeiros álbuns com orquestrações de Jaques Morelembaum, Luís Figueiredo, Ehud Ettun e Rodrigo Morte, e neste momento estão a preparar a gravação do terceiro álbum com lançamento previsto no final de 2022.
 
Para além das actuações, o trio exerce um papel pedagógico intensivo, com participação em workshops e masterclasses no Brasil, Portugal, Índia, Israel e Argentina.
 

……..

Concerto de Estreia | CARLOS BICA QUARTETO feat. João Barradas, Gonçalo Marques, Samuel Rohrer

CARLOS BICA QUARTETO feat. João Barradas, Gonçalo Marques, Samuel Rohrer

Sábado 30 Julho 2022 | 21h30

Auditório Osvaldo Azinheira da Academia Almadense

Bilhetes 12€
Venda antecipada na Drogaria Central Loja de Discos, Rua Capitão Leitão 14B, Almada
Venda dia 30 Julho entrada Auditório Osvaldo Azinheira, Rua Capitão Leitão 64, Almada
 

Uma Produção PontoZurca

Direcção Técnica, FOH, Som Sérgio Milhano


O contrabaixista e compositor Carlos Bica construiu um nicho musical de uma forte identidade com o seu estilo inventivo de um jazz ao mesmo tempo lírico e indie. Entre os vários projetos musicais que lidera, o seu trio AZUL tornou-se na sua imagem de marca como contrabaixista e compositor. Desde há mais de vinte anos que o trio AZUL de Bica, com Frank Möbus e Jim Black, fascina os seus ouvintes.

No dia 30 de Julho Carlos Bica irá apresentar-se com uma formação inédita. João Barradas (acordeão), Gonçalo Marques (trompete) e Samuel Rohrer (bateria) serão os músicos de excelência que Carlos Bica convidou para com eles partilhar as suas músicas.

 „A música de Carlos Bica é excitante, é moderna e contagiante. Bica é um ouvinte atento ao mundo exterior – donde a sua modernidade – e um escritor de canções inato. Nas suas composições encontramos fragmentos de coisas que apenas o nosso subconsciente reconhece, mas expostas de forma tal que elas nos surgem absolutamente naturais e óbvias. Nada que tenha a ver com alguma forma de pastiche ou resultado de copy/ paste; antes uma forma evidente de contar histórias feitas de pedaços de quotidiano que de uma forma estranha reconhecemos.“

– Leonel Santos „All Jazz“
fotografia Miguel Estima

Há Música na Casa da Cerca | Fred

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)


CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

25 Setembro | FRED

transmissão concerto vídeo 2 Outubro | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | João Solano / Pedro Oliveira

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

Concertos 10 anos PontoZurca Editora

8 e 9 Outubro | 10 anos PontoZurca Editora | Cine Incrível, Almada

 
>> sexta-feira, 8 de Outubro, 21h30 | Concerto Aline Frazão
Comemoração do lançamento do álbum “Movimento”
 
>> sábado, 9 de Outubro, 21h30 | Concerto The Soaked Lamb
Apresentação do novo álbum “Two to Two”
 
Bilhetes: 10€ 1 dia // 15€ 2 dias
À venda Cine Incrível – Alma Danada*** e Drogaria Central Loja de Discos
*** RESERVAS Pré-pagamento:
mbw 965210300
iban PT50 0033 0000 4542 9570 9250 5
envio de comprovativo por sms ou mail
cineprograma@gmail.com
//////////////////////////////////////////////////
 

Em Outubro de 2021 a PontoZurca celebra 10 Anos de edições discográficas com os concertos de Aline Frazão e The Soaked Lamb no Cine Incrível Almadense.

Ao longo desta década editou artistas como Melech Mechaya (Aqui em Baixo Tudo é Simples – 2011 e Gente Estranha – 2014), Orquestra Todos (Intendente – 2012), The Soaked Lamb (Evergreens – 2012 e Palhaços – 2013), Aline Frazão (Movimento – 2013), Janita Salomé (Em Nome da Rosa – 2014 e Valsa dos Poetas – 2018), Marafona (Está Dito – 2016), Trevo (Trevo – 2018), entre outras edições e co-edições.

Fundada em 2009, a PontoZurca dedica-se a todas as vertentes técnicas das artes performativas na área do som. Além de Editora Discográfica independente, é também um Estúdio de Gravação Áudio por onde têm passado vários artistas consagrados do panorama nacional e internacional, uma Produtora de Espectáculos, faz Direcção Técnica e Som ao Vivo e, mais recentemente, abriu uma Loja de Discos em Almada – a Drogaria Central.

///////////////////////////////////////////////////

ALINE FRAZÃO protagoniza o primeiro espectáculo deste evento de celebração. A cantora e compositora angolana sobe ao palco para comemorar a edição do álbum “Movimento”, lançado em 2013 pela PontoZurca e que será reeditado em vinil brevemente.

Foi o seu segundo trabalho discográfico e, tendo sido um dos seus discos mais aclamados, Aline aceitou de imediato este convite para o podermos voltar a recordar, ao vivo e a cores, ao lado de outros temas emblemáticos da sua carreira que também já conta com uma década.

Além das composições de sua autoria, “Movimento” conta com uma parceria inédita com o poeta e letrista angolano Carlos Ferreira “Cassé” e com um poema de Alda Lara musicado por Aline, que também assinou a produção musical do álbum.
“Este disco foi mesmo um movimento, uma corrente que juntou muitos talentos e amizades e que leva muita vida dentro”, refere Aline, e acrescenta “Confiei muito no talento de todas as pessoas que tinha ao meu lado, no espontâneo, na ideia imprevista e nas próprias canções: elas sustentam tudo. Sente-se muito a cidade de Luanda, que é quase uma personagem invisível em todas as músicas, pois muitas delas foram escritas lá. Sentem-se também as ilhas de Cabo-Verde: a participação do Vaiss Dias e do Miroca Paris vêm dar forma e continuação à minha primeira viagem a Cabo Verde em 2012.”
 

Recordamos aqui o videoclipe do single “Tanto” da autoria do conceituado realizador angolano Fradique.

///////////////////////////////////////////////////

No dia seguinte, 9 de Outubro, é a vez dos THE SOAKED LAMB apresentarem, em absoluta estreia ao vivo, o novo álbum “Two to Two” que será lançado nesse mesmo dia nas plataformas digitais e em CD, com promessa de uma edição em vinil para breve.

A celebrarem quinze anos de carreira, este é o quarto álbum do grupo que sucede a “Homemade Blues” (2007), “Hats & Chairs” (2009) e “Evergreens” (2012).

Particularmente inspirada na música americana da primeira metade do século XX, a banda é composta por Afonso Cruz (voz, guitarra, banjo, ukulele, harmónica e lap steel), Gito (contrabaixo), Mariana Lima (voz e saxofone), Miguel Lima (bateria e percussão), Tiago Albuquerque (saxofone, guitarra, concertina, ukulele) e Vasco Condessa (piano, teclas). E ainda há um megafone envolvido.

“Este é um disco carregado do ócio, como antes era definido, que permitiu voltas e reviravoltas, gravações e regravações, epifanias e desconchavos, bem como a lentidão necessária a um desfecho que nos satisfizesse plenamente. Apesar do ócio, deu muito trabalho.”, refere a banda com o seu característico sentido de humor. E é assim que o apresentam:
“Tic-tac, tic-tac, tic-tac. O mecanismo do relógio de parede numa casa perdida noutro tempo assinala a inclemente marcha do tempo. Dois para as duas, ou, em inglês, Two to Two, a hora mais engraçada pela cacofonia que o seu som produz, mesmo sem as badaladas.

Two to Two é um disco composto por 12 temas originais, um por cada hora desse relógio. Horas que marcam mitos, monstros, pecados mortais e julgamento final, amor impossível, e outras coisas da vida e da morte. Nestas 12 músicas quisemos desacelerar o tempo até que pare. Antes que seja demasiado tarde.”

“Blá, Blá, Blá” é o single de avanço deste novo trabalho e o videoclipe é realizado por Tiago Albuquerque e Eva A.

Há Música na Casa da Cerca | Lisboa String Trio

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | João Solano / Catarina Lopes

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

Há Música na Casa da Cerca | Amaura

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | Ricardo Reis / Catarina Lopes

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

Há Música na Casa da Cerca | Lula Pena

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo Filmagem | Mariana Simões/João Solano Edição | Hugo Sousa/Dado Nunes
Parceiro | Público

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

Há Música na Casa da Cerca | Victor Zamora Y Sexteto Cuba Apresentam Gracías, Compay!

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo | Hugo Sousa/Dado Nunes
Parceiro | Público

26 Junho | LULA PENA

>> transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2021 | Braima Galissá

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano/Pedro Baptista
Vídeo | Hugo Sousa/Rui Gaiola
Parceiro | Público

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!

>> transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

>> transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2021 | Lançamento Programa

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo | Hugo Sousa/Rui Gaiola
Parceiro | Público


MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!

26 Junho | LULA PENA

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão e transmitidos online para livre acesso de todos.

A GAROTA NÃO ao vivo | Há Música na Casa da Cerca 2020

🔴 A GAROTA NÃO ao vivo na Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea!
Há Música na Casa da Cerca 2020

Sábado 25 Julho A Garota Não ► Concerto Online transmissão jornal O Público

>> 21h30 Concerto Vídeo Transmissão Online
Facebook do Público,
Facebook A garota não, Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea e do Ciclo Há Música na Casa da Cerca


Ficha técnica:

Áudio: Sérgio Milhano PontoZurca
Vídeo: Hugo Sousa / Rui Gaiola

FOGO FOGO ao vivo | Há Música na Casa da Cerca 2020

FOGO FOGO ► Concerto Online integrado na Festa da Casa da Cerca

Acompanhem-nos. Contamos com TODOS!

>> 17h00 na Emissão da RDP África
(sintonize rádio ou http://www.rtp.pt/rdpafrica)

>> 21h30 Concerto Vídeo Transmissão Online
no Facebook e Site da RDP África,

Ficha técnica:

Áudio: Sérgio Milhano PontoZurca
Vídeo: Hugo Sousa / Rui Gaiola

Há Música na Casa da Cerca 2020 | 6ª Edição

O Ciclo Há Música na Casa da Cerca é desenvolvido desde 2015 pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea, em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente (por norma entre março e setembro) em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos “Concertos Invisíveis”, “Música nas Exposições” e “Concertos ao Pôr do Sol”.

A Casa da Cerca, como muitos outros espaços dedicados às artes e à cultura nacionais e internacionais, nos últimos meses e face às restrições impostas pela pandemia COVID-19, tem feito um esforço de reinvenção sistemática encontrando novos formatos de criação, de programação e de partilha com os seus públicos. A necessidade de respeitar os planos de contingência implementados, nomeadamente a limitação de acessibilidades ao espaço físico da Casa e Jardins, revelou-se um estimulo e uma oportunidade para repensar os formatos, datas e locais inicialmente previstos para a realização dos concertos da 6ª edição do Há Música na Casa da Cerca.

O programa deste ano foi totalmente redesenhado, procurando a mais justa proporção entre a expectativa inicial de uma experiência presencial marcante e a realidade presente, a caminho da mais afinada combinação entre os elementos: música, tempo (de um calendário que ainda se revela incerto) e o espaço (de uma Casa com acesso agora mais condicionado).

Certa e incondicional é a vontade de fazer acontecer um programa artístico de alta qualidade e de alguma forma contribuir, também, para a sustentabilidade e vitalidade da atividade cultural num momento particularmente vulnerável, honrando o compromisso com os artistas, equipas técnicas e de produção, garantindo o direito à fruição cultural das populações e alimentando uma relação de cumplicidade crescente com os públicos desta Casa.

FOGO FOGO
Transmissão a 27 JUNHO às 21h30
integrado na FESTA DA CASA DA CERCA

A GAROTA NÃO
Transmissão a 25 JULHO

MÁRIO FRANCO TRIO
Transmissão a 29 AGOSTO

NILSON DOURADO
Transmissão a 12 SETEMBRO

MAD NOMAD
Transmissão a 26 SETEMBRO

LUÍS FERNANDES
31 OUTUBRO – 17h – Galeria Principal

BALTAZAR MOLINA
8 DEZEMBRO – 17h – Capela

5ª Edição CONCERTOS AO PÔR DO SOL | HÁ MUSICA NA CASA DA CERCA 2019

Programa desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea, em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica.
Realiza-se entre março e setembro em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos – Concertos Invisíveis, Concertos ao Pôr-do-Sol e Música nas Exposições.
Entrada gratuita. Para todos os públicos.

Há Música na Casa da Cerca 2019 | 5ª Edição |
>> CONCERTOS ao PÔR do SOL <<
They’re Heading West >> 25 Maio
Octa Push >> 29 Junho na Festa da Casa da Cerca
Montanhas Azuis >> 27 Julho 
Tó Trips & João Doce >> 31 Agosto
Lokomotiv >> 28 Setembro

Sempre no último Sábado do Mês, de Maio a Setembro.
Entrada Gratuita

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Realizam-se no Parque de Escultura da Casa da Cerca e convidam a disfrutar da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música: uma playlist de um convidado; um concerto ao vivo.

Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em Almada
Rua da Cerca
2800-050 Almada

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 5ª Edição | Concertos ao Pôr do Sol

Os They’re Heading West são Mariana Ricardo (Minta & The Brook Trout, Silence is a Boy, Domingo no Quarto), Sérgio Nascimento (Deolinda, Sérgio Godinho, Humanos), Francisca Cortesão (Minta & The Brook Trout) e João Correia (TAPE JUNk e Julie & The Carjackers). Quatro vozes, ukulele, mini bateria, guitarra e baixo, para caber tranquilamente na mala de qualquer carro. Tocam as músicas uns dos outros e as de quem a eles se juntar.

Lançaram o primeiro disco em Outubro de 2015, gravado entre a costa oeste EUA (onde fizeram duas digressões) e o Estúdio 15-A, em Lisboa, casa da Pataca, que o editou. O auto-intitulado They’re Heading West conta com duas mãos cheias de convidados, ainda assim apenas uma pequena parte dos nomes que foram passando pelos concertos organizados pela banda em Lisboa desde 2011, primeiro na Barraca e depois na Casa Independente. Com Ana Bacalhau, Samuel Úria, Capicua, Ana Moura, Luísa Sobral, Ana Moura, Nuno Prata, Frankie Chavez, Bruno Pernadas e Peixe, entre outros, os THW recriaram em disco a ideia de partilha de canções que deu origem à banda e que os continua a mover de concerto em concerto.

Francisca Cortesão: voz, guitarra acústica, baixo
João Correia: voz, baixo, guitarra acústica
Mariana Ricardo: voz, ukulele
Sérgio Nascimento: bateria, voz

Há Música na Casa da Cerca 2019
>> CONCERTOS ao PÔR do SOL << Marquem na Agenda!
Sempre no último Sábado do Mês, de Maio a Setembro.
Entrada Gratuita

Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa telf: 218807030 www.centroarbitragemlisboa.pt PONTOZURCA 2009