PontoZurca

LATEST NEWS

ZIGGY ALBERTS | Apresenta “TRULY ACOUSTIC” novo álbum

Australian singer-songwriter Ziggy Alberts revisits familiar tracks in a new style with surprise LP “Truly Acoustic”

Voz e Guitarra, Produção | Ziggy Alberts

Gravação, Mistura, Produção | Sérgio Milhano no Estúdio PontoZurca

Artigo em COLLIDE Media

Alberts’ takes his previous recordings, including the ARIA platinum-certified “Love Me Now” and gold-certified “Gone,” and gives them a final creative spin as he moves towards a new direction for his music.

The 9-track LP, recorded in 2019, is the perfect blend of relaxing, soulful guitar and wistful lyrics. Truly Acoustic is the perfect representation of an early sunny morning, the kind of music you can wake up to slowly. It’s beautiful and stripped down.

For Alberts, Truly Acoustic is almost like a “thank you” to the projects he’s previously released. Regarding the release, Alberts said “I had two goals in mind with this release; to enjoy the recording process, and to feel like I’d given the energy these songs deserved before moving forward. My latest album, Laps Around the Sun (2018), along with all my other releases, have brought me such great gifts. I didn’t feel like I could say goodbye to these chapters without doing this acoustic collection to pay homage to an incredible journey so far.”

Truly Acoustic was recorded in 2019 in Portugal and is out now via Alberts’ label, Commonfolk Records.

Photo by: Janneke Storm

ALINE FRAZÃO | Lançamento Banda Sonora “Ar Condicionado”

Dia 2 de Outubro Aline Frazão lança o álbum com a Banda Sonora Original para o Filme “Ar Condicionado”, gravado em Almada e Luanda.

Disponível em todas as plataformas digitais.

Ficha Técnica Banda Sonora
Produção Musical, Composição, Letra e Arranjos | Aline Frazão

Fender Rhodes, Piano desafinado | Aline Frazão
Congas, Kissanje e Percussão | Iúri Oliveira
Contrabaixo | Francesco Valente
Fliscorne e Trompete | Raidel González Ortiz
Trombone | Lázaro Niño Gutiérrez
Voz (tema Matacedo) | Paulo Flores
Violão | Marku Peão
Dikanza | Yasmane Santos
Violoncelo | Enrique Cupull Barrientos

Gravação e Mistura | Sérgio Milhano no estúdio PontoZurca, Almada
Gravações Adicionais | Hélder Albino no estúdio Radio Vial, Luanda
Masterização | Frederico Cristiano

Ficha Técnica Filme
Realizador | Fradique
Produtor | Jorge Cohen
Guião | Fradique & Ery Claver
Dir. de Arte & Produção | Prudênciana Hach
Dir. de Fotografia | Ery Claver
Música | Aline Frazão
Artista Convidado | Cafuxi

Produção Geração 80

Cia OLGA RORIZ estreia SEIS MESES DEPOIS

Teatro Nacional D. Maria II
18, 19 e 20 de Setembro

Direcção Artística | Olga Roriz

Bailarinos | André De Campos; Beatriz Dias; Bruno Alves; Catarina Câmara; Francisco Rolo; Marta Lobato Faria; Yonel Serrano

Banda Sonora | João Rapozo
Selecção Musical | João Rapozo, Olga Roriz
Cenografia e Figurinos | Ana Vaz, Olga Roriz
Desenho de Luz | Cristina Piedade
Vídeo | João Rapozo
Captação e Pós-Produção Vídeo | João Rapozo
Montagem e Operação de Luz e Vídeo | João Chicó, Contrapeso
Montagem e Operação de Som | Sérgio Milhano, PontoZurca
Assistência de Cenografia | Daniela Cardante
Assistência de Figurinos | Ana Sales
Estagiárias Assistentes de Ensaios | Ana Silva, Andreia Alpuim
Produção | António Quadros Ferro
Gestão | Magda Bull
Formação e Residências | Lina Duarte

SINOPSE
Caminhamos de intemporalidade em intemporalidade, num espaço celestial entre telas de cinema.
A resiliência dos corpos de mãos dadas recupera os lugares ao longe, num presente que se escapa por entre os pés.
Seis meses depois uma entropia paira em todas as partículas. Tudo congelado!
Já morremos, ou iremos morrer. Seremos breves como o primeiro sopro que engolimos à nascença.
Levitamos ou confundimo-nos com as raízes de florestas densas. Não importa onde estamos, se no ar ou no mar, as moléculas continuam perdidas.
Queremos dizer o gesto entre cores fortes, clarões e escuridão. Queremos rasgar as paredes que nos separam e projetar-nos num campo de papoilas a perder de vista, sem dimensão, imensurável, como naquele sonho onde nenhum de nós quis acordar.
Podemos criar o apocalipse, fazer de Autópsia o único lugar habitável do planeta e em 1, 2, 3 quantos, avistar a onda gigante subir à grua mais alta e ficar ali para sempre no isolamento da memória. Adeus sistema solar.
Em 37 horas, 4 minutos e 12 segundos a Terra irá colidir com Júpiter. E lá se vai o microcosmos e o macrocosmos, o átomo, a molécula, os protões e os neutrões. Lá se vai a física quântica a epigenética e mais os rebuçados do Dr. Bayar. Lá se vão os genes homeóticos, a medicina ortomolecular e as radiações eletromagnéticas.
Não haverá Chakra que nos valha nem coerência que nos salve.
Não haverá chave genética que nos abra mais porta nenhuma.
Adeus humanidade.

Olga Roriz | 23 Nov. 2019

A GAROTA NÃO ao vivo | Há Música na Casa da Cerca 2020

🔴 A GAROTA NÃO ao vivo na Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea!
Há Música na Casa da Cerca 2020

Sábado 25 Julho A Garota Não ► Concerto Online transmissão jornal O Público

>> 21h30 Concerto Vídeo Transmissão Online
Facebook do Público,
Facebook A garota não, Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea e do Ciclo Há Música na Casa da Cerca


Ficha técnica:

Áudio: Sérgio Milhano PontoZurca
Vídeo: Hugo Sousa / Rui Gaiola

FESTIVAL JAZZ MATAzz | 4 e 5 Julho Mata dos Marrazes, Leiria

JAzzMATAzz _2020 4 e 5 JULHO
Mata dos Marrazes | Rua do Viveiro
programa da 2ª edição do jazzMATAzz – festival de música da Mata dos Marrazes

4 julho
21h30 – R’B&MR.SC
22H30 – Lokomotiv

5 julho
21h30 – André Fernandes “3 para 3”
22h30 – Eduardo Cardinho “In Search of Light”

+ masterclass livestreaming com Alexandre Frazão, Mário Delgado e Sérgio Carolino

* com o apoio da Câmara Municipal de Leiria| Município de Leiria e Antena 2

Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa telf: 218807030 www.centroarbitragemlisboa.pt PONTOZURCA 2009