PontoZurca

LATEST NEWS

Concerto de Estreia | CARLOS BICA QUARTETO feat. João Barradas, Gonçalo Marques, Samuel Rohrer

CARLOS BICA QUARTETO feat. João Barradas, Gonçalo Marques, Samuel Rohrer

Sábado 30 Julho 2022 | 21h30

Auditório Osvaldo Azinheira da Academia Almadense

Bilhetes 12€
Venda antecipada na Drogaria Central Loja de Discos, Rua Capitão Leitão 14B, Almada
Venda dia 30 Julho entrada Auditório Osvaldo Azinheira, Rua Capitão Leitão 64, Almada
 

Uma Produção PontoZurca

Direcção Técnica, FOH, Som Sérgio Milhano


O contrabaixista e compositor Carlos Bica construiu um nicho musical de uma forte identidade com o seu estilo inventivo de um jazz ao mesmo tempo lírico e indie. Entre os vários projetos musicais que lidera, o seu trio AZUL tornou-se na sua imagem de marca como contrabaixista e compositor. Desde há mais de vinte anos que o trio AZUL de Bica, com Frank Möbus e Jim Black, fascina os seus ouvintes.

No dia 30 de Julho Carlos Bica irá apresentar-se com uma formação inédita. João Barradas (acordeão), Gonçalo Marques (trompete) e Samuel Rohrer (bateria) serão os músicos de excelência que Carlos Bica convidou para com eles partilhar as suas músicas.

 „A música de Carlos Bica é excitante, é moderna e contagiante. Bica é um ouvinte atento ao mundo exterior – donde a sua modernidade – e um escritor de canções inato. Nas suas composições encontramos fragmentos de coisas que apenas o nosso subconsciente reconhece, mas expostas de forma tal que elas nos surgem absolutamente naturais e óbvias. Nada que tenha a ver com alguma forma de pastiche ou resultado de copy/ paste; antes uma forma evidente de contar histórias feitas de pedaços de quotidiano que de uma forma estranha reconhecemos.“

– Leonel Santos „All Jazz“
fotografia Miguel Estima

FESTIVAL Jazz MATAzz | 9 e 10 Julho Mata dos Marrazes, Leiria

JazzMATAzz _2022 | 9 e 10 JULHO
Mata dos Marrazes | Rua do Viveiro
programa da 4ª edição do jazzMATAzz | Festival de Música da Mata dos Marrazes

9 Julho
21h30 | Mário Delgado “Filactera”
22H30 | Rocky Marsiano & Meu Kamba Jazz

10 Julho
21h30 | André Rosinha Trio
22h30 | Nelembe Ensemble

* um evento da União das Freguesias de Marrazes e Barosa, com o apoio do Município de Leiria e da Antena 2

2002 assistiu à edição do único álbum de originais de Mário Delgado.

Filactera, uma das primeiras edições Clean Feed Records, tratou-se de um projeto para o qual o guitarrista convocou a memória e o universo da Banda Desenhada.

Às pranchas da nona arte foi buscar o nome para este trabalho (Filactera é o vulgar balão que as personagens de banda desenhada usam para comunicarem entre si).

Cristalizado como um marco definitivo do jazz português, este projeto regressa à estrada para celebrar o seu 20.º aniversário e, para isso, Mário Delgado vai estar acompanhado por Alexandre Frazão (bateria), Nelson Cascais (contrabaixo), Desidério Lázaro (saxofone) e Rúben da Luz (trombone), revisitando a banda sonora que compôs para cada espaço mágico compreendido entre uma e outra quadrícula.

Filactera continua a ser, para muitos dos críticos de Jazz Português, um dos melhores discos de sempre.

Rocky Marsiano, projeto do veterano D-Mars, volta às suas origens de fusão entre beats e jazz. (da qual foi pioneiro em terras Lusas com o aclamado álbum de estreia The Pyramid Sessions, 2005).

Mas desta feita esta fusão é levada para novos territórios, fruto do percurso musical que levou a música de Marsiano até Cabo Verde e Angola, Guiné-Bissau e o Brasil. Ritmos afro-latinos são misturados com o swing jazzy e cadências rítmicas que vão desde o hip-hop ao afro-beat.

Assim nasce esta nova encarnação ao vivo: Meu Kamba Jazz. Sempre com muito espaço para a improvisação, aos beats quentes do Marsiano são adicionados o saxofone de Rodrigo Amado, a guitarra de Vicente Booth (dos Mazarin) e a percussão de António Duarte (aka Toni) – tornando cada concerto único.

Triskel dá o nome ao terceiro álbum do contrabaixista André Rosinha. Original da cultura Celta, a etimologia da palavra que nos chega até hoje, tríscele, vem do Grego e significa três pernas. O seu símbolo representa três extremidades curvas que, a partir de um centro comum, se enrolam em espiral, formando uma roseta. O movimento criado a partir da união destas três linhas refere-se à ideia de ciclo, ação e progresso e remete-nos também para o equilíbrio dos três elementos fundamentais da cultura Celta: Terra, Água e Ar; evocando também a interação divina entre Corpo, Mente e Alma. É a partir desta Trindade simbólica em que nos completamos e fundamentamos que o trio se vai apresentar.
O disco Triskel surge assim enquanto evolução do projeto “Árvore”, que permitiu ao trio conhecer-se melhor musicalmente e criar um som cada vez mais coeso e consolidado. É a partir daqui que avançam por novos territórios.
O reportório da autoria do contrabaixista, foi especialmente desenhado para ser interpretado pelos músicos João Paulo Esteves da Silva, no piano, pelo próprio, no contrabaixo e pelo Marcos Cavaleiro, na bateria.
Em Triskel, será mantida a atenção na melodia, agora com mais exploração do arco no contrabaixo e mais momentos de uníssono entre piano e cordas. Respeitar-se-ão algumas das influências do álbum anterior, como o folk, mas haverá maior ênfase na música clássica e num jazz europeu com uma estética mais lírica

Criação do músico e multi-instrumentista Jorge Queijo, Nelembe Ensemble começou com alguns ritmos de bateira gravados ao acaso e guardados num disco rígido. A partir deles, e em plena pandemia, Jorge Queijo construiu um conceito musical que ultrapassa fronteiras e estilos, abraçando afrobeat e highlife, sem esquecer a soul, funk e o jazz em constante confronto. Para além da questão rítmica e sonora, com várias latitudes dentro, o afrobeat traduz-se num ADN comportamental revolucionário e combativo de luta pela liberdade e pela justiça social. As vocalizações do Professor John Ezekiel e os arranjos do saxofonista João Cabrita, definiram o que a banda passou a chamar de dirty afrobeat – uma celebração musical onde a única regra é a ausência de regras, e onde reina a vontade de ser livre que só a música nos dá.
É este o ambiente sócio-cultural e estético que serve de inspiração / mote ao repertório que se tem vindo a criar pelo coletivo de artistas / músicos (Manuel dos Reis – Baixo, Renato Mont – Guitarra, Sérgio Alves – Órgão / sintetizador, João Cabrita – Sax Barítono, Rafael Gomes – Sax Barítono, Rui Teixeira – Sax Alto, Daniel Lourenço – Trombone, João Barroso – Tuba, Juvânia Gomes – Voz, Prof. John Ezekiel – Voz), liderado pelo baterista Jorge Queijo.

Direcção Técnica, FOH Sérgio Milhano, PontoZurca

ALINE FRAZÃO Festival MED 2022

Aline Frazão no Palco Matriz

Festival MED, Loulé 2 Julho

 
Aline Frazão regressa aos palcos com o espectáculo de “Uma Música Angolana”, seu novo disco onde retoma uma sonoridade de banda, cálida, festiva e poética, navegando entre vários ritmos de matriz africana.”
 
Voz e Guitarra | Aline Frazão
Bateria | Marcelo Araújo
Baixo | Mayo
Trompete | Diogo Duque
Piano e Teclados | Pri Azevedo
Som FOH | Sérgio Milhano, PontoZurca
 
fotografias Festival MED

ANA BACALHAU TOUR Verão 2022

Ana Bacalhau apresenta ao vivo o seu recente álbum a solo “Além da Curta Imaginação”.

Misturado no Estúdio PontoZurca por Sérgio Milhano, Produtor e Técnico de Som, que também acompanha a Ana Bacalhau ao vivo.

Gravado e Produzido por | Twins
Misturado por | Sérgio Milhano no estúdio PontoZurca
Masterizado por | Christian Wright no Abbey Road Studios

MIXED Universal Music

ALINE FRAZÃO | Concerto em Lisboa

Aline Frazão apresenta o seu quinto álbum “Uma Música Angolana” dia 20 Abril no Teatro Maria Matos.

Gravado e Misturado no Estúdio PontoZurca por Sérgio Milhano, Produtor e Técnico de Som, que também acompanha a Aline Frazão ao vivo.

Festival FADO in A BOX 2022

Em 2020, em pleno confinamento, nasceu o Festival Live in a Box. Durante três dias, através das suas contas de Instagram, artistas lusófonos deram concertos online e chegaram, em direto, a cerca de 8 mil espectadores.

Em 2022, o Live in a Box salta do pequeno ecrã do telemóvel e chega ao Teatro São Luiz em Lisboa, ao Teatro das Figuras em Faro e ao Teatro Municipal de Bragança para voltar a estar perto das pessoas e a transmitir-lhes aquilo de que só a música ao vivo é capaz.

A música lusófona volta a instalar-se num palco físico e promete reunir-se num festival fora da caixa que celebra a união entre a música lusófona e ibérica, em dois concertos diários ao longo de três dias.

Direcção Técnica FOH Sérgio Milhano, PontoZurca

Há Música na Casa da Cerca | Fred

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)


CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

25 Setembro | FRED

transmissão concerto vídeo 2 Outubro | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | João Solano / Pedro Oliveira

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

Há Música na Casa da Cerca | Lisboa String Trio

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | João Solano / Catarina Lopes

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

Há Música na Casa da Cerca | Amaura

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

transmissão concerto vídeo 7 Agosto | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano / Pedro Baptista
Vídeo Filmagem | Ricardo Reis / Catarina Lopes

Edição e Pós-Produção Vídeo | João Solano
Parceiro | Público

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

transmissão concerto vídeo 4 Setembro | 18h00 (facebook do Público)

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

Há Música na Casa da Cerca | Lula Pena

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica

Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo Filmagem | Mariana Simões/João Solano Edição | Hugo Sousa/Dado Nunes
Parceiro | Público

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

FESTIVAL Jazz MATAzz | 3 e 4 Julho Mata dos Marrazes, Leiria

JazzMATAzz _2021 | 3 e 4 JULHO
Mata dos Marrazes | Rua do Viveiro
programa da 3ª edição do jazzMATAzz | Festival de Música da Mata dos Marrazes

3 Julho
21h30 | Diogo Alexandre Bock Ensemble
22H30 | Maria João Ogre Electric

4 Julho
21h30 | Jeffery Davis Quinteto
22h30 | TGB

* um evento da União das Freguesias de Marrazes e Barosa, com o apoio do Município de Leiria e da Antena 2

 

Há Música na Casa da Cerca | Victor Zamora Y Sexteto Cuba Apresentam Gracías, Compay!

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!
transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo | Hugo Sousa/Dado Nunes
Parceiro | Público

26 Junho | LULA PENA

>> transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2021 | Braima Galissá

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

transmissão concerto vídeo (facebook do Público)

MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

transmissão concerto vídeo 23 Maio | 17h00 (facebook do Público)

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano/Pedro Baptista
Vídeo | Hugo Sousa/Rui Gaiola
Parceiro | Público

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!

>> transmissão concerto vídeo 27 Junho | 18h00 (facebook do Público)

26 Junho | LULA PENA

>> transmissão concerto vídeo 3 Julho | 18h00 (facebook do Público)

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão transmitidos online para livre acesso de todos.

HÁ MÚSICA NA CASA DA CERCA 2021 | Lançamento Programa

Esta é a 7.ª edição do programa Há Música na Casa da Cerca, desenvolvido pela Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea em parceria com a PontoZurca – editora e produtora discográfica. Realiza-se anualmente em vários espaços da Casa, apresentando uma seleção musical eclética nos formatos Música nas Exposições e Concertos ao Pôr do Sol.

20 Março | BERNARDO COUTO & MARTÍN SUED
Apresentação da programação 2021

Ficha Técnica
Áudio | Sérgio Milhano
Vídeo | Hugo Sousa/Rui Gaiola
Parceiro | Público


MÚSICA NAS EXPOSIÇÕES
Formato que propõe a apresentação de composições musicais que interagem com as obras de uma exposição ou com o seu espaço envolvente.
No ano em que celebramos os 20 anos d’O Chão das Artes, destacamos como mote para este diálogo a exposição que conta a história deste Jardim Botânico e as espécies vegetais que dele fazem parte.

18 Maio | BRAIMA GALISSÁ
Dia Internacional dos Museus / Dia Internacional do Fascínio das Plantas

CONCERTOS AO PÔR DO SOL
Acontecem habitualmente no Parque de Escultura e convidam a desfrutar, ao final do dia, da bela vista sobre o Tejo acompanhada de música.

19 Junho | VICTOR ZAMORA Y SEXTETO CUBA APRESENTAM GRACÍAS, COMPAY!

26 Junho | LULA PENA

31 Julho | AMAURA

28 Agosto | LISBOA STRING TRIO

25 Setembro | FRED

Os moldes efetivos de implementação da programação de 2021 serão anunciados em detalhe conforme a evolução da situação pandémica e respetivos planos de contingência em vigor a cada momento. No entanto, qualquer que seja o contexto vivido no decorrer do ano, pretende-se exponenciar o alcance de cada evento muito além do momento da sua realização, independentemente da possibilidade de acolhimento presencial de públicos. Os concertos terão registo audiovisual e serão e transmitidos online para livre acesso de todos.

A GAROTA NÃO ao vivo | Há Música na Casa da Cerca 2020

🔴 A GAROTA NÃO ao vivo na Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea!
Há Música na Casa da Cerca 2020

Sábado 25 Julho A Garota Não ► Concerto Online transmissão jornal O Público

>> 21h30 Concerto Vídeo Transmissão Online
Facebook do Público,
Facebook A garota não, Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea e do Ciclo Há Música na Casa da Cerca


Ficha técnica:

Áudio: Sérgio Milhano PontoZurca
Vídeo: Hugo Sousa / Rui Gaiola

Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa telf: 218807030 www.centroarbitragemlisboa.pt PONTOZURCA 2009